Conteúdo 360º, realidade virtual e jornalismo imersivo: uma revisão actual dos média utilizando estes formatos

Autores

Palavras-chave:

Jornalismo Imersivo, Realidade Virtual, Conteúdos 360º, Inovação, Jornalismo Local

Resumo

O formato multimédia 360º e a realidade virtual ajudam os jornalistas a levar a cobertura jornalística a outra dimensão, como alguns meios de comunicação social como o The New York Times, USA Today ou Euronews têm vindo a fazer. As novas narrativas estão a permitir uma transformação no acesso à informação, bem como um alargamento do público. No entanto, o boom que estes formatos sofreram desde 2014, impulsionado por gigantes tecnológicos como Google e Facebook, está a sofrer um impasse desde 2017, com poucas referências ainda a apostar nestas peças. Devido a isto, o estudo propõe uma visita aos meios de comunicação nacionais e internacionais que actualmente continuam a utilizar vídeos 360º e realidade virtual como método de informação, utilizando a metodologia qualitativa do estudo de caso. Verifica-se que tem havido um declínio significativo e que uma das causas pode ser a falta de alfabetização tecnológica sobre o assunto.

Biografia Autor

Pavel Sidorenko Bautista, Facultad de Ciencias de la Comunicación, Universidad Francisco de Vitoria, Pozuelo de Alarcón, España

 

 

Publicado

2021-06-30

Edição

Secção

Artigos